quarta-feira, 30 de março de 2011

OS OLHOS.

Essa é a estória de uma jovem cega que se odiava, e a todo o mundo, por ser cega.
Odiava a todos, menos ao seu namorado que a amava muito.
Um dia, conseguiu um par de olhos sãos.
Operaram-na e pôde ver!
Quando o conseguiu o namorado perguntou-lhe se ela se casaria com ele, ao que ela respondeu que não, porque reparou que ele era cego.
O namorado, triste, compreendeu-a e despediu-se da sua vida.
Na sua partida deixou-lhe este bilhete:

"Somente te peço que cuides muito bem dos meus olhos pois tos ofereci e agora são os teus. AMO-TE MUITO!"

Por RUI RICARDO RAMOS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário