quinta-feira, 25 de novembro de 2010

O EPISÓDIO

... e lá ia eu, em pleno dia de pleito numa missão macabra:
numa mão e noutra - porque distribuia o cansaço do peso -
jazia inerte o desconhecido defunto.
Minha frieza era tanto-quanto fria estava aquela forma sem vida.
Porque jamais o vi e nem o verei, nem fiz parte da sua vida.
Enfim, atirei-o ao relento em lugar esquisito e apropriado.
Fui-me indo sem olhar de volta.
Será possível tamanha frieza contra a vida e diante da morte?
Esqueci-me de tal episódio e passei a concentrar-me
em uma outra macabra missão:
Elegeria, naquele dia,
em instâncias maiores e menores
os homens que usarão o poder para roubar-me ...

Autor: RUI RICARDO RAMOS.
NOTA: Texto poetizado na noite do dia 04 do outubro de 1994.

Nenhum comentário:

Postar um comentário