sábado, 20 de novembro de 2010

O HERÓI

"O Herói"é o segundo poema da "Trilogia Granmaniana". O poema reflete a materialização dos atos heróicos de Granmar. É a subrepujação dos valores benéficos diante dos valores contraditórios. É, em síntese, a Teoria da Causa e do Efeito posta na prática pelos valores éticos do herói ...


Título: O HERÓI

O perigo era evidente
De tornar sonho tão belo
Numa visão comovente
Do verde virar amarelo.

Granmar, contudo, sentiu
A farta fonte secar,
Como uma pétala se abriu
Deixando baixar o mar.

Foi então que seu poder
Ferrenho, tomou virtude
Crescendo todo em saber,
Sereno ousou atitude.

Subiu da terra cansada
Para o céu que não conhecia
De lá visou enseada
Por onde a água sumia.

Grande idéia ele supôs,
Plantar vida sadia,
Bela música então compôs
Vendo o raiar do dia.

E tudo na terra encantou
Ouvindo a voz de Granmar,
Em vapor de água tornou
Fazendo chover no mar.

As coisas juntas somaram
Novo equilíbrio eterno
Certas outras, então, murcharam
Mesmo em pleno inverno.

Autor: RUI RICARDO RAMOS.
Poetizado em 25 de julho de 1992.

Nenhum comentário:

Postar um comentário