sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

POEMA PARA UMA MULHER.

Eu canto a tua beleza
Mulher dos encantos meus,
Meu canto canta a pureza
Que encanta os encontos teus.


Estrêla de brilho mais lindo
Que nasce com o despertar,
Os lábios sempre sorrindo,
Nos olhos o verde do mar.

Cor do azul celeste,
Rosa pura de amor,
Flôr de essência campestre,
Mel da mais fina flôr.

Por RUI RICARDO RAMOS.

NOTA: Texto poetizado em 1981. Inédito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário